Porto Velho (RO)20 de Julho de 202414:05:24
EDIÇÃO IMPRESSA
RONDÔNIA

Servidor suspeito de cobrar para reduzir taxas e liberar escrituras de imóveis em Candeias é exonerado

Polícia Civil realiza operação "Taxa Venal" para investigar esquema de cobrança ilegal na SEMPH


Imagem de Capa

Foto: Reprodução

PUBLICIDADE

Um servidor comissionado da Secretaria Municipal de Patrimônio, Habitação e Regularização Fundiária (SEMPH) de Candeias do Jamari (RO) foi afastado de suas funções após suspeitas de envolvimento em um esquema de cobrança indevida para reduzir taxas e liberar escrituras públicas na cidade.

Na quinta-feira (4), a Polícia Civil de Rondônia deflagrou a operação "Taxa Venal", cumprindo mandados de busca e apreensão e afastamento do cargo público do servidor em questão. A investigação teve início após denúncia ao Ministério Público local, que apresentou mensagens de telefone e áudios como provas do esquema organizado pelo suspeito.

Além de apurar a conduta do servidor, a Polícia Civil investiga possíveis cúmplices no esquema de corrupção. A Prefeitura de Candeias do Jamari informou que exonerou o servidor assim que tomou conhecimento das suspeitas, em 27 de junho.




Portal SGC

Últimas notícias de RONDÔNIA